O mercado de franquias no Brasil é um negócio que está em constante crescimento. Porém, o franqueado precisa tomar muito cuidado para não fugir da proposta prescrita no contrato. Não é só manter a identidade da franqueadora, a padronização é fundamental, pois é ela que permite a mesma cara da marca em qualquer parte do Brasil, como também a qualidade dos serviços prestados. Afinal, o padrão de qualidade daquela marca já tem reconhecimento.
Uma franquia fora do padrão pode servir de mau exemplo.

Outros franqueados podem querer seguir o conceito fora do padrão e arruinar toda a rede. A padronização aumenta a produtividade da marca e dá escala ao negócio. Confira a seguir por que o padrão de qualidade é tão importante para as franquias.

Padronização e valor

Treinamentos, reuniões e discussões sobre os procedimentos, são itens que estão englobados na padronização.

A franqueadora, certamente, estipula padrões que já estão testados e aprovados e, por esse motivo, a padronização aumenta o valor de uma marca. Seu trabalho mais difícil será o de seguir um padrão que já passou por todo um processo antes de chegar a sua franquia.

O padrão de qualidade é o que mantém a autenticidade da marca e isso melhora a percepção de valor por parte do cliente, já que, possivelmente se tem uma boa experiência de compra e atendimento.

A padronização busca reduzir a variabilidade no processo de trabalho, promovendo a boa experiência do cliente com a marca. Divergências neste processo podem prejudicar não só a franquia, mas toda a rede.

As alterações nem sempre são um problema

A ABF (Associação Brasileira de Franchising) lembra que as alterações nem sempre são consideradas um problema, mas qualquer mudança deve ter aprovação do franqueador.

Pode acontecer do franqueado precisar fazer pequenas adaptações em sua operação de acordo com a necessidade de cada região ou com a criatividade do franqueado. No entanto, é importante manter a manutenção no foco de serviço. A padronização no serviço, na qualidade e no treinamento é o que eleva o sucesso da marca, então esses três aspectos não devem ser deixados de lado.

Resumindo: as alterações nem sempre são um problema, mas é importante lembrar que as pessoas entram em uma franquia na expectativa de um determinado padrão de qualidade. É a padronização que atrai diferentes pessoas, de diferentes regiões, culturas, etc.

comprar-franquia-de-marketing-digital

Portanto, pense bem antes de fugir do modelo, até porque em alguns casos os Contrato de Franquia podem prever algum tipo de multa no caso de descumprimento do padrão da rede. Busque seguir as regras estipuladas no contrato, pois elas o levarão rumo sucesso. A padronização visa gerar força no relacionamento, fidelizar os consumidores e aumentar o valor agregado da marca compartilhada por todos os franqueados.

Falta de padronização e queda de qualidade

Acontece, em muitos casos, de a falta de padronização acarretar em queda de qualidade. Como já dissemos, um cliente que já conhece a marca tem grandes chances de entrar em sua franquia em busca daquele padrão de qualidade específico, já conhecido.

A falta de um parâmetro causa uma quebra nas expectativas do cliente, o que pode fazer com que ele desista de adquirir o produto ou serviço. Por isso, é importante manter o padrão de qualidade. Isso não só atrai os consumidores, como também aumenta as chances de lucro da sua franquia.

E então, gostou do nosso post? Restou alguma dúvida sobre a importância do padrão de qualidade? Deixe seu comentário!