Investimento em mídia paga: saiba como gerar resultados matadores

Oscar Sigaki

Oscar Sigaki

Engenheiro formado pela FEI, com MBA em Gestão de Negócios pela FGV e Professor de Pós-Graduação no curso de Marketing Digital na UMC. Já foi responsável pelo marketing de performance em projetos como Vivo, Smiles, Kroton, entre outros. Hoje é sócio e COO da Hubify.

6 minutos de leitura

Retorno ao investimento efetuado: esse é o grande objetivo das pessoas quando querem apostar em alguma estratégia de marketing. Com a mídia paga não é diferente. Todos os anunciantes desejam melhorar a performance dos seus negócios e precisam de ferramentas que sejam extremamente eficientes. Assim, será mais fácil aumentar a performance da sua estratégia de marketing digital.

Antes de tudo, precisamos definir o que são mídias pagas: anúncios veiculados na internet, a fim de atingir objetivos específicos.

Neste post mostraremos como obter bons resultados utilizando tais recursos. Algumas das tarefas que você deve fazer são:

Boa leitura!

Como a publicidade paga pode ajudar sua estratégia?

A publicidade paga é uma ótima forma de conseguir novos contatos e aumentar o lucro da sua empresa. Diferentemente do Marketing de Atração (Inbound Marketing), você já poderá ver os resultados nos primeiros dias., ainda que a campanha também precise de algum tempo para amadurecer e gerar os melhores resultados. Além disso, suas ações serão guiadas pelo orçamento de marketing definido.

Dessa forma, ainda que seu negócio não tenha muitos recursos disponíveis, você já poderá começar suas ações. Mais do que isso, investir em publicidade paga é uma forma de ter mais conhecimento sobre seu público. Você terá à disposição inúmeros relatórios sobre os hábitos dos internautas e poderá fazer segmentações de acordo com eles.

A importância da segmentação

Embora investir na publicidade de jornais e revistas possa ser interessante para determinadas empresas, dificilmente você poderá se certificar que o público leitor é o mesmo que sua empresa definiu como o cliente ideal.

Dessa forma, muitas das pessoas que terão acesso à publicidade não têm o perfil que sua empresa deseja. As plataformas de links patrocinados contam com tecnologias de segmentações que permitem ao seu negócio selecionar o público exato para suas campanhas.

Além das mídias já conhecidas como Facebook Ads e o Google AdWords, há outras ferramentas de links patrocinados como:

Leia também: Segmentação em Marketing Digital: entenda o que é, sua importância e como fazer!

Quais são os passos para começar a investir?

Para começar a investir e ver o retorno em marketing digital, você deverá seguir alguns passos. Confira!

Planejar

Aqui, é preciso entender como os meios digitais poderão auxiliá-lo no processo de crescimento do seu negócio. Como vimos, a publicidade paga pode alcançar vários objetivos.

Assim, o primeiro passo é entender onde a empresa quer chegar. Nesse caso, então, deve-se começar pela pergunta: quais são as metas gerais da empresa?

Como parte do seu planejamento, pense qual é o objetivo geral da sua campanha. Você quer atingir as pessoas com o intuito de divulgar sua marca ou seu maior desejo é alavancar as vendas? A pergunta faz sentido por mudar a forma como os anúncios serão pensados.

Enquanto as campanhas que desejam popularizar uma marca (branding) estão mais preocupadas com a visualização do anúncio e pagam por mil visualizações, aqueles que querem aumentar a lista de clientes estão à procura de cliques.

Reflita, também, de quanto será o investimento para esse tipo de publicidade, e lembre-se de que não é necessário um valor mínimo para começar a anunciar.

Depois disso, é importante entender qual é o público que você deseja alcançar.

Segmentar campanhas estrategicamente

Uma das principais maneiras de gerar mais resultados gastando menos é saber segmentar corretamente.

Caso você não selecione bem seu público-alvo, seus anúncios atingirão pessoas que não estão interessadas nos seus serviços ou produtos.

Assim, o gasto será grande e o retorno poderá não atingir às expectativas.

Algumas formas de segmentação são por:

palavra-chave (clique aqui e descubra como encontrar palavra-chave para a sua campanha);

  • local e idioma;
  • dispositivo;
  • por público-alvo (utilizando remarketing);
  • tópicos e canais;
  • cargo;
  • condição socioeconômica familiar.

Devemos lembrar que nem todas estarão disponíveis em todas as plataformas ou redes sociais.

Escolher as melhores mídias

Após compreender qual é o seu público-alvo e seu objetivo, chegou a hora de escolher quais são as melhores mídias para conseguir chegar ao resultado esperado.

Não há uma escolha única, mas ela dependerá do planejamento e do modelo empresarial adotado.

Veja as características de duas das principais mídias pagas.

Google AdWords

Com essa plataforma, você atingirá usuários que fazem pesquisas na ferramenta do Google ou exibirá anúncios em páginas parceiras da empresa e nos seus próprios aplicativos como Gmail, Youtube e Google Meu Negócio.

E-book Mídia Paga

Se você está pensando em investir em Google AdWords, ou já investe e quer melhorar os resultados, clique aqui e descubra 9 dicas para melhorar o desempenho da sua campanha.

Facebook Ads

A ferramenta poderá divulgar seus anúncios para usuários do Facebook e Instagram. Se você já faz publicações na rede, é possível impulsioná-las para que atinjam um grupo ainda maior. Caso você queira fazer um anúncio diferente do que já foi postado, você pode utilizar textos, imagens e vídeos para criá-lo.

LinkedIn Ads

O LinkedIn Ads é o canal ideal se você deseja fazer negócios com outras empresas, encontrar parceiros ou novos funcionários. Como a plataforma é voltada para o mundo dos negócios, a chance de que seu anúncio seja atraente para esse público e você aumente seus lucros é ainda maior.

Bing Ads

Embora a plataforma não seja tão conhecida como as anteriores, conta com usuários do Bing, MSN, Yahoo e AOL espalhados pelo mundo. No Brasil, mais de 288 milhões de buscas são realizadas todos os meses, tendo 3,7% do mercado Brasileiro de buscas.

Twitter Ads

A rede conhecida pelo seu dinamismo ainda é muito utilizada no Brasil. Dessa maneira, você pode fazer com que sua empresa tenha um maior engajamento com um público fiel e que gosta de defender seus ideais e princípios nas redes sociais. Dessa forma, você estará mais próximo de convencê-lo a também defender sua marca.

Criar anúncios interessantes

Para que você tenha resultados matadores, é necessário que os anúncios sejam interessantes para seu público. Veja, agora, algumas estratégias interessantes para cativar atenção dos internautas.

Utilize números

Os números se destacam do texto, chamam a atenção do leitor e se diferenciam dos demais. Utilize números para mostrar que o produto é gratuito (como “100% gratuito”) e números não inteiros para despertar o desejo em seus internautas (por exemplo, “7 formas de aumentar suas vendas”).

Use palavras de poder

Tais palavras são formas de usar a linguagem persuasiva e emotiva para influenciar as pessoas. Assim, suas frases vão valorizar o seu texto e fazer com que o anúncio tenha maior destaque.

Alguns exemplos são:

  • novo;
  • grátis;
  • secreto;
  • rápido;
  • venda.

Lembre-se de que você deve cumprir o que foi anunciado. Assim, caso você tenha utilizado a palavra “grátis”, é necessário oferecer algum produto com versão gratuita. Por fim, não se esqueça de incluir a palavra utilizada também no site de destino.

Chamada para ação (CTA)

Um anúncio pode não despertar a vontade do usuário para clicar nele. Para isso, você precisa convidar os internautas para interagirem com ele a partir de chamadas para ação (call to action ou CTA).

Utilize verbos no imperativo para fazer os pedidos aos internautas.

Boas palavras são:

  • registre;
  • clique;
  • faça;
  • explore;
  • descubra.

Dessa forma, os visitantes terão maior desejo de clicar e conferir tudo o que foi preparado para ele.

banner-blog-hubify

Adicione ofertas

Se alguma promoção estiver em andamento, não hesite em incluí-la no seu anúncio. Utilize também a persuasão para criar seus anúncios. Frases como “Compre 1 e Leve 2” e “Cadastre-se e obtenha gratuitamente” poderão aumentar o número de cliques e o interesse dos internautas em seus produtos e serviços.

Mensurar resultados

O primeiro passo para mensurar bem seus resultados é não se basear em métricas que só indicam vaidade — isto é, números que podem demonstrar certo engajamento, mas que não se converterão em resultados.

Bons exemplos disso são a quantidade de comentários, curtidas e compartilhamentos feitos em alguma rede social. Deve-se manter o foco naquilo que realmente é importante. Como já demonstramos, o objetivo definirá qual tipo de resultado se espera.

Algumas métricas que podem ser úteis são:

Por fim, depois de ter escolhido as melhores métricas, lembre-se sempre de analisá-las periodicamente, para que o acompanhamento seja feito de perto e permita mudanças, caso seja necessário.

Fazer testes A/B

Depois de algum tempo, você começará a pensar que alguma variação no anúncio poderia render melhores resultados. Porém, nada é melhor do que entender se sua ideia realmente traria resultados na prática.

Para isso, os testes A/B realizam comparações entre a versão atual e outra versão de um mesmo anúncio para entender qual delas terá o melhor desempenho.

Algumas mudanças que podem ser testadas são:

  • botão do call to action (veja aqui como utilizar o CTA);
  • cores ou design;
  • utilização ou não de números;
  • mudanças na descrição ou no título.

Vale lembrar que, nesse tipo de teste, você deve modificar apenas uma variável. Por isso, é importante saber quando utilizá-lo Dessa maneira, você tomará decisões baseadas em números, e não simplesmente em percepções que podem não se confirmar.

Contar com uma empresa parceira

Nem sempre é fácil para seus funcionários colocar todas essas informações em prática. Por isso, procure uma empresa parceira para ajudá-lo a criar suas campanhas e otimizá-las. Você terá a segurança de que os melhores resultados estão sendo alcançados e que seu orçamento está sendo utilizado de forma sábia e eficiente.

Por fim, sua equipe terá mais tempo para pensar e elaborar estratégias mais interessantes para que seu público se cative ainda mais pela sua marca e os produtos e serviços disponibilizados pela sua empresa.

A mídia paga pode oferecer constância maior do que as orgânicas, por sofrer menos com alterações em mecanismos de busca ou em padrões de pesquisa dos usuários. Por isso, pense nela como uma possibilidade para suas campanhas de marketing.

Quer receber mais dicas como essas na linha do tempo das suas redes sociais? Então, siga-nos agora mesmo no Facebook e receba conteúdo exclusivo. Esperamos por você!

Ouça nosso Podcast!

Posts Relacionados