Marketing Digital: Um mercado com potencial INCRÍVEL!

Fabio Duran

Cofundador e CEO da Hubify. GDista, apaixonado por economia comportamental e vendas. Advogado formado pelo Mackenzie e pós-graduado em Administração de Empresas e Gestão de Projetos pela Universidade da Califórnia.

2 minutos de leitura

No início do mês eu li uma matéria muito interessante sobre o mercado de Paleterias publicado pela revista Veja (Paleterias não sobrevivem nem mesmo a um inverno quente). Este texto aborda um erro muito comum dos empresários que confundem uma tendência de mercado com uma moda passageira.

As modas não duram mais do que cinco anos e algumas delas (como o caso das Paleterias) encerram seu ciclo bem antes disso. Já a tendência de mercado é algo que não faz tanto estardalhaço, seu crescimento é menor do que uma “moda”, mas é algo sustentado no médio e longo prazo e não é tão fácil de detectar.

O marketing digital é uma tendência de mercado. Não é novidade pra ninguém a importância da internet para as pessoas, em especial brasileiros.

Em evento no Google no fim do ano passado (Google Summit) foi dito que 90 milhões de brasileiros realizam ao menos uma busca no Google por mês, e segundo uma pesquisa realizada pela consultoria ATKearney, o brasileiro é o povo que mais passa tempo na internet em todo o mundo.

E-book marketing digital

Mas se a conclusão de que o consumidor brasileiro é altamente conectado é verdadeira, não podemos dizer o mesmo das Micro e Pequenas empresas. E é aí que mora uma oportunidade de ouro.

A iniciativa do Sebrae “Movimento compre do Pequeno Negócio” chama atenção para o seguinte fato: há no Brasil mais de 10 milhões de Microempreendedores individuais, Micro e Pequenas Empresas.

Porém há hoje no Brasil 3.685.936 domínios registrados, conforme podemos verificar no site registro.br, ou seja, ainda que consideremos que uma empresa registra apenas um domínio em seu nome e que o registro de domínio significa que a empresa já possui site (o que sabemos que não é verdade), há no país mais de 6.300.000 empresas sem site, ou seja, podemos concluir que vender site é uma baita mercado, não é mesmo?

Mas, nossa conclusão não pode parar por aqui. Como não basta para a empresa estar na internet, mas sim ser encontrada, visitada e gerando mais negócios, ter um site é só o início do marketing digital para essas empresas.

Conclusão, o consumidor já está altamente conectado à internet, no entanto há milhares de empresas precisando de site, precisando ser encontrada no ambiente online e precisando usar este ambiente para aumentar suas receitas. E, assim sendo, podemos dizer sem medo de errar que o Marketing Digital é uma tendência e não uma modinha.

Posts Relacionados