5 benefícios para sua empresa fazer marketing de conteúdo

Nicole Gomes

Nicole Gomes

3 minutos de leitura

Está procurando uma forma de conquistar novos clientes e ainda não sabe como? Pode ser que o marketing de conteúdo seja a resposta! Confira nesse artigo o que é e quais são alguns dos benefícios de trabalhar com essa estratégia na comunicação da sua empresa.

Vivemos em mundo que gira em torno da internet. As dúvidas são sanadas pelo Google, as interações ocorrem por meio de redes sociais, e até mesmo os relacionamentos surgem a partir de aplicativos. “Mas o que isso tem a ver com minha empresa?”, você deve estar se perguntando. Pois eu respondo: TUDO!

Seus possíveis clientes e pessoas que têm interesse no seu produto ou serviço, conhecidos como leads, estão procurando, neste exato momento, em algum mecanismo de busca, o que você tem a oferecer. E estar presente na internet apenas com sua marca, produtos e formas de contato pode não ser suficiente.

Identificar as dores do seu potencial cliente, dar informações que possam solucioná-las e, ao mesmo tempo, promover a sua marca é usar o conteúdo como estratégia.

Confira a seguir alguns dos benefícios de trabalhar com marketing de conteúdo!

1. Ser encontrado

Independente do seu modelo de negócio e segmento, seja ele B2B ou B2C, é de extrema importância que a sua empresa seja facilmente encontrada na internet. Porém, a procura nem sempre ocorre pela marca ou produto específico que você está ofertando.

As pesquisas ocorrem por meio de palavras-chave, como por exemplo, “bolsa azul”. E, neste caso hipotético, é um dos produtos que você vende. Porém, com o dia das mães se aproximando, o seu possível cliente não sabe exatamente o presente que quer comprar. Neste caso, um post no seu blog que dê dicas de presentes para o dia das mães seria uma forma de ser encontrado.

Seus concorrentes vendem bolsas de cores variadas, mas com um conteúdo cativante e bem produzido, você gera mais tráfego em seu site e converte em mais vendas!

Agora, atenção! 90% dos cliques de um resultado de busca no Google ficam na primeira página, sendo que 35% vão para os 3 primeiros resultados, ou seja, para gerar resultados efetivos, é preciso que sua empresa seja encontrada nas primeiras posições.

2. Acompanhar a Jornada do cliente

Para chegar até a sua empresa, seu lead pode fazer vários caminhos. Ele pode estar com uma dúvida, considerando opções, ou até mesmo decidido sobre alguma solução. Diferentes tipos de conteúdos podem ser produzidos para cada uma das etapas da jornada do cliente, para atender qual for a sua necessidade.

É necessário levar em conta o funil de vendas e o conteúdo que é mais assertivo para cada uma das etapas. Identificando em qual etapa o seu lead se encontra, você consegue nutrir a relação com ele e guiá-lo até a conversão em venda.

Ou seja, com o marketing de conteúdo, é possível falar com a pessoa certa no momento certo.

Banner Topic Cluster

3. Gerar autoridade

“Então basta eu produzir um conteúdo sobre qualquer assunto, postar e divulgar?”. Não!

Engana-se quem pensa que produzir um conteúdo superficial sobre qualquer assunto vai gerar resultados. O conteúdo precisa ser relevante para a sua persona (a representação de um cliente ideal da sua empresa). Com base em pesquisas, é possível identificar quais dores ela tem e ajudá-la a resolver.

Adotando o marketing de conteúdo como estratégia e fornecendo informações importantes, você trará confiança ao seu negócio. Afinal, quando procuramos a solução para os nossos problemas, preferimos sempre alguém que realmente entende do que está falando.

O que nos leva ao próximo item!

4. Educar o mercado

Alguns segmentos necessitam de um diálogo mais frequente com os seus clientes, por motivo de dúvidas ou manutenção, como é o caso de SaaS, empresas que utilizam de software como serviço.

Antecipando prováveis dificuldades com o seu serviço ou produto, é viável educar os seus clientes com conteúdo. Trata-se de uma prática simples, mas que mantêm os clientes informados e satisfeitos com o serviço.

5. Baixo investimento

Por último, e provavelmente mais importante: marketing de conteúdo é uma prática de baixo custo e, no longo prazo, derruba bastante o custo de aquisição de um lead ou cliente!

Os canais de distribuição do seu conteúdo podem ser variados, desde redes sociais até blog próprio. Usando um blog, você tem a garantia de que seu conteúdo permanecerá por mais tempo em evidência, divulgando-o. Além disso, também tem mais flexibilidade nas ferramentas de criação do conteúdo.

Os conteúdos produzidos podem ser de dois tipos: noticioso e evergreen (“sempre verde”, ou sempre atual). No caso do noticioso, envolve-se algum acontecimento ou tendência, de curto prazo de validade. Já o conteúdo evergreen, também chamado de perene, geralmente tem caráter educativo e de longo prazo. Ele pode (e deve!) ser reaproveitado e divulgado várias vezes.

Aplicando métricas, atualizando e otimizando, você terá uma comunicação duradoura que renderá frutos por muito tempo!

Gostou e quer implementar na sua empresa? Veja quais os passos para criar uma estratégia de marketing de conteúdo e sair na frente da concorrência!

Veja o guia para potencializar sua estratégia de SEO com Topic Clusters!

Posts Relacionados