Atualmente, o Facebook é a maior rede social do mundo, com nada menos que 2 bilhões de usuários ativos, de acordo com o último levantamento divulgado pela empresa. Inicialmente, foi desenvolvido apenas com o intuito de ser um canal de comunicação para amigos e conhecidos, mas hoje é uma das mais importantes ferramentas de inbound marketing e possuindo diversos tipos de anúncios no Facebook. E isso não é à toa!

Afinal, com tanta audiência é fácil deduzir que clientes e potenciais clientes também estão conectados nessa rede social.

Pensando nisso, há algum tempo o Facebook implementou o Facebook Ads que, basicamente, são os anúncios pagos veiculados dentro da própria plataforma. Além do baixo custo, essa forma de publicidade possui um alto poder de segmentação, possibilitando que os resultados sejam ainda mais assertivos.

Para você conhecer de maneira mais aprofundada sobre a ferramenta, a seguir vamos apresentar os diferentes tipos de anúncios no Faceboook Ads, mostrando também as melhores estratégias para cada um deles. Vamos lá?

1. Reconhecimento

Antes de mais nada é necessário saber que o gerenciador de anúncios do Facebook foi reformulado. Agora os objetivos de marketing digital são divididos em 3 categorias: Reconhecimento, Consideração e Conversão.

Vamos começar pelos tipos de anúncios no Facebook que tem como foco gerar interesse em seu produto ou serviço com as opções de Reconhecimento de marca e Alcance.

Reconhecimento da marca

Nesse tipo de campanha, o objetivo é alcançar os usuários que têm mais chances de prestar atenção no seu anúncio e, consequentemente, aumentar o reconhecimento da sua marca. Para isso, o Facebook parte da premissa que quanto mais a pessoa ver o anúncio, maior será a probabilidade de lembrar do que viu e da sua empresa.

A melhor estratégia para o reconhecimento de marca é a criação de anúncios específicos para esse tipo de campanha, com conteúdo mais humanizado, mostrando o dia a dia e a realidade da empresa.

Por fim, vale destacar que para quem deseja obter resultados rápidos de venda, essa não é a melhor opção, já que o processo de reconhecimento de uma marca é considerado de “longo prazo”.

Alcance

Além do reconhecimento da marca, há também a opção de Alcance, que tem o objetivo de exibir o anúncio para o máximo de pessoas, uma vez que o Facebook limita bastante o alcance orgânico das fanpages.

Por causa disso, pode ser que a segmentação dos anúncios seja mais ampla e, portanto, nem sempre alcance somente potenciais clientes.

Não podemos deixar de citar sobre as métricas que podem ser acompanhadas tanto no alcance como também no reconhecimento de marca, permitindo que você tenha maior controle da campanha e a possibilidade de avaliar o que precisa ser aprimorado para resultados cada vez melhores.

A principal métrica é o lift de lembrança do anúncio, que mostra a estimativa de quantas pessoas com a maior probabilidade de lembrarem do seu anúncio dentro de 2 dias.

As pesquisas sobre a lembrança do anúncio incluem usuários que declaram ter visto os seus anúncios, sem que isso tenha acontecido de fato. Com isso, essa porcentagem também é levada em conta. Portanto, vale ressaltar que esse indicador é apenas uma estimativa e pode conter imprecisões.

Para você entender melhor, a base do lift estimado de lembrança do anúncio é baseado em:

  • o número de usuários alcançados com os seus anúncios;
  • quantos usuários passaram um tempo visualizando seus anúncios;
  • as relações históricas entre a atenção que os usuários dão aos anúncios e os resultados das pesquisas de lembrança do anúncio.

2. Consideração

A categoria Consideração tem o objetivo de levar o usuário a começar a pensar e a buscar mais informações sobre sua marca.

Dentro dela há cinco opções: Tráfego, Envolvimento, Instalações do Aplicativo, Visualizações do vídeo e Geração de Cadastros. Abaixo vamos falar um pouco sobre cada uma delas!

Tráfego

O tráfego tem o intuito de levar usuários para o seu site, aplicativo ou até mesmo a uma conversa no messenger.

Uma boa dica na hora de usar esse tipo de estratégia é caprichar na escolha do botão de chamada para ação para mostrar aos usuários o que vocês querem que eles façam, de maneira que os incentive a clicarem naquele botão, link ou banner.

Envolvimento

Para quem deseja que mais pessoas vejam e interajam com as publicações, curtindo, comentando, compartilhando ou participando de eventos e obtenções de oferta, a opção Envolvimento pode ser a ideal.

Para ter bons resultados com esse tipo de campanha é preciso trabalhar com imagens bem elaboradas, títulos instigantes (como o uso de perguntas) e incentivar a interação através das chamadas para ação atrativas.

Instalações do aplicativo

A opção Instalações do aplicativo deve ser escolhida quando a intenção é direcionar os usuários para a loja onde podem comprar seu app.

Você pode criar anúncios de aplicativos móveis através do Gerenciador de Anúncios do Facebook Ads, que possui uma série de recursos que te ajudam a criar e a otimizar melhor suas campanhas.

Uma boa sugestão é demonstrar o valor do app com estatísticas, como por exemplo, o número de pessoas que já o utilizam.

Visualizações do vídeo

Não é mais novidade que os vídeos estão sendo cada vez mais vistos. E isso é uma tendência também para os próximos anos. De acordo com a Cisco, em 2019, os vídeos serão os responsáveis por 80% do tráfego mundial da internet.

Quem objetiva pegar “carona” nesse sucesso, deve escolher a opção Visualizações do vídeo, que ajuda a aumentar o reconhecimento da marca com os vídeos.

Para essa estratégia, é interessante investir em vídeos que mostrem os bastidores das filmagens, histórias de clientes, lançamentos de produtos, etc.

Geração de cadastros

A Geração de cadastros é a alternativa perfeita para coletar informações, como endereços de e-mail de pessoas interessadas em sua empresa.

Esse tipo de anúncio pode ser utilizado para fazer perguntas personalizadas, como, por exemplo, “Por qual produto/serviço você está interessado?” ou mesmo para estimativas de preços, inscrições para newsletters, entre outros.

Para que os resultados sejam positivos, é fundamental demonstrar a importância que essas informações têm para sua empresa e fazer o mínimo possível de perguntas para que o usuário não desista de respondê-las.

3. Conversão

Nessa categoria estão os objetivos que incentivam os usuários a se interessarem pela sua empresa ou a usarem o seu produto ou serviço.

Para isso, são três tipos de anúncios: Conversões, Venda do catálogo de produtos e Visitas à loja. Abaixo detalhamos melhor sobre eles.

Conversões

Se você quer que o usuário execute uma ação no seu site ou aplicativo, como uma compra, a Conversões é mais um dos tipos de anúncios no Facebook e que é mais adequada para essa estratégia.

Esse objetivo requer o pixel do Facebook, ferramenta analítica que auxilia a medir os resultados do seu anúncio, enviando relatórios de ações realizadas pelos usuários ao visualizarem seus anúncios. O Facebook possui um guia que ensina o passo a passo de como implementar o pixel.

Para essa campanha, é interessante realizar testes A/B, que consiste em fazer versões diferentes dos anúncios com pequenas modificações para avaliar qual delas apresenta a melhor taxa de conversão.

Vendas do catálogo de produtos

O catálogo de produtos contém informações dos produtos de todos os itens que você deseja anunciar na rede do Mark Zuckerberg. Com as Vendas do catálogo de produtos é possível criar anúncios que mostram automaticamente produtos do seu catálogo de acordo com a preferência do seu público-alvo.

Tem várias opções, como os anúncios dinâmicos, que te ajuda a dimensionar a criação de anúncios para vários outros anúncios com apenas um único modelo, além de exibi-los direcionados para pessoas que já demonstraram interesse pela sua empresa anteriormente.

Visitas ao estabelecimento

Para quem tem o objetivo de promover vários pontos comerciais do seu negócio para as pessoas que estão nas imediações, a opção Visitas ao estabelecimento pode ser a mais qualificada para essa estratégia.

Nesse tipo de campanha, você cria anúncios locais dinâmicos para várias lojas, gerando mais visitas e vendas nos locais. Além disso, é possível também direcionar as pessoas a partir de uma distância definida de uma ou mais localizações do estabelecimento com anúncios criados com intuito de auxiliar as pessoas a chegarem ou entrarem em contato com a loja mais próxima a elas.

Os modelos de anúncios possuem localizador de loja e botões exclusivos de chamada para ação (Como chegar, Ligue agora).

Para quem for anunciar somente um ponto comercial, deve utilizar o objetivo Alcance.

Pronto, esses são algum dos tipos de anúncios no Facebook e as opções que atualmente estão disponíveis no gerenciador de anúncios do Facebook Ads.

É verdade que são muitas alternativas e, por isso, a melhor forma de escolher é definindo seus principais objetivos e avaliando quais delas podem trazer os melhores resultados de acordo com as suas funcionalidades.

Além disso, é fundamental acompanhar os resultados. O Facebook Ads dispõe de uma série de métricas para você avaliar o retorno das campanhas com informações como a taxa de rejeição, alcance, taxa de cliques engajamento e muito mais!

Desse modo, é possível verificar se a opção de anúncio escolhida está alinhada com suas expectativas e se a sua estratégia de uma maneira geral está dando certo.

Agora que você já sabe sobre os tipos de anúncios no Faceboook, que tal aprender mais sobre marketing nas redes sociais? Com certeza você encontrará novas estratégias que também deveriam ser aplicadas na sua empresa. Não deixe de conferir!

Esse post foi produzido pela equipe da Rock Content.