Por que o Facebook Remarketing é essencial para a sua estratégia?

Oscar Sigaki

Oscar Sigaki

Engenheiro formado pela FEI, com MBA em Gestão de Negócios pela FGV e Professor de Pós-Graduação no curso de Marketing Digital na UMC. Já foi responsável pelo marketing de performance em projetos como Vivo, Smiles, Kroton, entre outros. Hoje é sócio e COO da Hubify.

6 minutos de leitura

Você sabia que uma estratégia de remarketing pode gerar 11,3% mais visitas para o seu site? Achou pouco? Essa ação pode fazer com que seu número de clientes cresça mais de 3 vezes. A conclusão publicada pela E-commerce Trends 2017 mostra que é importante para a sua empresa pensar em ações como o Facebook Remarketing.

Você sabe do que estamos falando? Para esclarecer, selecionamos informações sobre o que é o Facebook Remarketing, qual seu funcionamento, suas vantagens e acima de tudo, mostrar como fazer um bom anúncio para atrair seus visitantes. 

Preparado para aumentar sua taxa de conversão e obter retorno no investimento efetuado? Então continue a leitura deste artigo!

O que é o Facebook Remarketing?

O remarketing é uma forma de publicidade para direcionar anúncios a pessoas que já realizaram algum tipo de interação com a sua empresa. O remarketing do Facebook funciona de forma parecida com o das outras ferramentas existentes, como o Google AdWords. 

Em outras palavras, ele é um dos tipos de anúncio que você pode usar em suas campanhas no Facebook com a intenção de impactar pessoas que já estiveram no seu site e apresentaram interesse no seu produto.

Você pode imaginar que um cliente em potencial acessou sua página na internet, com o intuito de ver determinado produto, como por exemplo uma viagem para Roma. No entanto, ele logo se distrai e começa a conversar com alguém no Facebook. 

Ou seja, você pode aproveitar o primeiro interesse do usuário para exibir um anúncio sobre passagens e até mesmo hotéis. Dessa forma, ele se lembrará da busca anterior e poderá realizá-la nesse momento.

Também é possível oferecer cupons de desconto ou ofertas para que o internauta termine a compra.

como funciona o remarketing no facebook

Como o Facebook Remarketing funciona?

Quando seu usuário visita uma página, seja ela uma landing page, site ou e-commerce, que tenha instalado o pixel do Facebook (código inserido para marcar as ações que ele realizou), os atos do visitante serão gravados

Assim, a plataforma saberá qual cliente executou ações depois de ver um anúncio no Facebook. Dessa forma, você poderá alcançar novamente o usuário a partir das opções de “Público personalizado”.

Portanto, quanto mais conversões acontecerem a partir do seu site, mais o Facebook terá condições de avaliar seu público. Isso sempre veiculando seus anúncios para as pessoas que têm mais tendência a realizar as ações que você deseja — é isso que o próprio Facebook chama de otimização de conversão.

Qual é a importância do Facebook Remarketing?

Com o Facebook Remarketing, seus resultados podem ser melhores. Descubra agora os principais motivos para isso!

Medir conversões entre os dispositivos

É possível entender como cada dispositivo, computadores ou celulares, tem contribuído para o auxílio nas conversões.

Otimizar seus anúncios para as pessoas certas

Você tem a garantia de que os anúncios serão exibidos para as pessoas que têm mais propensão a realizar a ação desejada.

Criar públicos personalizados

Com os anúncios dinâmicos você conseguirá mostrar, de forma automática para seus visitantes, os produtos que eles já tiveram contato no seu site ou outros itens relacionados a eles.

Como o Facebook Remarketing aumenta as conversões?

A utilização do remarketing é importante para que as pessoas que tiveram acesso aos seus anúncios cheguem à conversão. Embora pareça mágica, na verdade tudo isso é muito lógico.

Pense em um cliente que colocou um produto da sua empresa no carrinho de compras, por exemplo. Obviamente ele tinha real interesse em comprar seu item. No entanto, diversos problemas podem ter acontecido para que a aquisição não se concretizasse.

É possível que ele tenha esperado para chegar em casa e comprar no seu computador ou mesmo esperado para fazer uma pesquisa mais profunda depois. Entretanto, com o dia corrido, ele pode ter se esquecido de fazer isso. É nesse momento que você deve usar um anúncio para lembrá-lo do que ele estava prestes a fazer. 

Cerca de 83% dos clientes abandonam o carrinho antes da realização da compra no Brasil, dessa forma, o remarketing é uma estratégia valiosa para não perder a venda.

Em casos de indecisão, você pode usar conteúdos para nutrir esse cliente em potencial, para encaminhá-lo à decisão de compra.

Leia também: 5 benefícios para sua empresa fazer marketing de conteúdo

E-book Mídia Paga

Outra possibilidade é anunciar para quem já efetuou a compra. Seu cliente poderá precisar de algum acessório ou produto para aumentar o desempenho do que já foi adquirido.

Em todos os casos, é mais fácil conquistar mais vendas com quem já tem um relacionamento prévio com o seu negócio do que começar uma nova relação, certo?

E, que tal conhecer um pouco sobre o Facebook Business? Confira o vídeo!

Como criar campanhas de Facebook Remarketing?

Veja agora quais são as melhores ações para você criar boas campanhas de remarketing!

Analise o comportamento dos visitantes

Normalmente o visitante não se torna seu cliente na primeira visita — esse percentual pode chegar a até 97%. Isso acontece devido ao processo de decisão que envolve:

  • aprendizado;
  • descoberta;
  • consideração das possibilidades;
  • decisão das melhores opções disponíveis.

Por isso, entender o comportamento dos visitantes é útil para que você consiga tomar as ações mais importantes para atrair o público-alvo a uma relação mais profunda com a sua empresa. Como avaliar as páginas que são mais acessadas, além de verificar quais são as que apresentam uma alta taxa de abandono.

Se o usuário não concluiu o processo de compra, ele pode estar fazendo pesquisas para se certificar de que realmente encontrou o que deseja ou pode ter encontrado alguma dificuldade para concluir o processo. Por isso, analise com cuidado quais são as oportunidades do seu negócio.

Em todo caso, utilize o remarketing para fazer com que seus anúncios no Facebook Ads fiquem mais direcionados a quem já tem algum interesse na sua marca. Faça uma oferta que seja atrativa e exclusiva para aquele usuário — provavelmente esse é o passo que falta para ele concluir a compra.

Também é importante descobrir o funcionamento do algoritmo do Facebook para usar o remarketing como forma de aumentar o alcance das suas publicações para usuários realmente interessados nos seus produtos e serviços.

Seja específico nas ações

Considere os produtos que já tenham algum destaque. Lembre-se que quanto mais específico você for, maiores serão as chances de aumentar sua taxa de conversão.

Criar um remarketing para quem apenas visitou a página, por exemplo, pode não ser uma boa ideia. Além de não ter certeza de quais são os reais interesses daquela pessoa, você não sabe ao certo se ela tem o perfil desejado pela sua empresa.

Personalize seus anúncios

Em primeiro lugar, utilize páginas específicas e determine um período de visualização dos seus anúncios. Dessa forma, o usuário terá um sentimento de que aquela oferta é exclusiva para ele. Para ficar mais claro, você pode gerar um desconto de x% por alguns dias para um usuário que colocou um produto no carrinho.

Depois, não se esqueça de excluir da lista as pessoas que já efetuaram a compra. O que você pode fazer é mostrar produtos relacionados para aumentar o ticket médio delas.

Acerte na precificação

De acordo com especialistas do Social Media Examiner, geralmente, o uso do remarketing no Facebook tem um menor custo por clique.

Algumas pessoas acreditam que isso acontece porque, enquanto nos mecanismos de busca o público procura exatamente por um produto ou serviço, nas redes sociais há inúmeras outras atividades sendo realizadas de forma simultânea.

Sendo assim, fique de olho nas métricas financeiras e no retorno sobre o investimento (ROI).

Mantenha seus anúncios atualizados

Depois de ver sua nova oferta, um usuário decide concretizar a compra, mas para a surpresa dele, o item desejado acabou ou teve o preço alterado. Consequentemente, ele terá uma experiência ruim com os anúncios da sua empresa. Isso poderá fazer com que ele não considere fechar negócio com a marca em campanhas futuras.

Para evitar que isso aconteça, atualize sempre seus anúncios, excluindo produtos que não estão mais no estoque ou que tiverem o valor alterado.

As ações de Facebook remarketing são ótimas opções para você aumentar o número de conversões do seu negócio. Entretanto, elas não devem ser utilizadas sozinhas. Uma boa estratégia é fazer uma mescla com o Google AdWords.

É possível usar esse sistema de links patrocinados para atrair visitantes a partir da busca do Google. Depois disso, o remarketing do Facebook conseguirá atingir índices ainda melhores.

Procure sempre fazer um projeto completo de marketing para que a sua empresa tenha os melhores resultados possíveis. Dessa maneira, você não precisará decidir entre Facebook Ads e Google AdWords, uma vez que integrará as diversas ferramentas disponíveis no mercado.

Gostou de saber mais sobre o assunto? Então confira este outro conteúdo e descubra porque unir as estratégias de marketing de conteúdo com as do Facebook Ads!

Posts Relacionados